Páginas

sexta-feira, 27 de abril de 2012

Pelé, Talento além do seu tempo

ARACNO Talento mostra um pouco da vida de Pelé,  Pelé completa 72 anos

Pelé é um ex-jogador brasileiro de futebol, podemos dizer com convicção, um jogador com a mente muito além de seu tempo. Mais conhecido como "Rei Pelé", encantou o mundo com seus dribles e passes, com movimentos nunca vistos e dificilmente copiados, seus gols não eram simples chutes a gol, era mágica. Foi designado o Embaixador Mundial do Futebol. Foi eleito o "Atleta do Século". Levou o Santos Futebol Clube, onde atuou por mais de vinte anos, a ganhar mais de quarenta taças. Foi artilheiro do campeonato paulista, ganhou o título 11 vezes, onde 9 foram consecutivas. Foi artilheiro da Libertadores, da Taça Brasil e do Torneio Rio São Paulo. Fez sua estréia na Seleção Brasileira com apenas 17 anos, incompletos, onde só se despediu em 1971. Jogou no New York Cosmos de 1975 a 1977. Foi Ministro dos Esportes entre os anos de 1995 e 1998. Ganhou títulos em várias parte do mundo.

Edson Arantes do Nascimento, o Pelé, nasceu em 23 de outubro de 1940, na cidade de Três Corações, Minas Gerais. Começou a carreira no infanto-juvenil do Bauru Atlético Clube, em São Paulo, onde conquistou o bicampeonato em 1954 e 1955.

Em 1956, foi levado para treinar no Santos F.C., pelo também jogador, Waldemar de Brito. Em jogo treino, Pelé fez quatro gols, onde seu time ganhou de seis a um. Sua primeira partida oficial foi no dia 7 de setembro de 1956, em jogo amistoso entre Santos e Corinthians. O resultado foi de sete a um para o Santos, com dois gols de Pelé. Na contagem de 1000 gols da carreira, este foi o primeiro oficializado. Pelé levou o Santos a conquistar mais de quarenta taças. Em 1974 fez o seu último jogo com a camisa do Santos.

Pelé fez sua estréia na seleção brasileira no dia 7 de julho de 1957, com 17 anos incompletos, no jogo contra a Argentina, no Estádio do Maracanã no Rio de Janeiro, onde marcou seu primeiro gol pela seleção, sendo esse gol oficializado como o primeiro para a contagem dos 1000 gols de sua carreira.

Pelé Participou de 115 partidas pela seleção brasileira, marcando 103 gols, sendo 92 oficiais. Foi convocado para a copa do mundo na Suécia, em 1958, quando foi pela primeira vez campeão mundial e marcou seis gols. Na copa do Chile em 1962, sofreu uma distensão muscular, no jogo contra a Tchecoslováquia, ficou fora da equipe e quem brilhou no seu lugar foi o jogador Garrincha. Participou ainda da copa de 1966, na Inglaterra e da copa de 1970, no México, quando a seleção trouxe para o Brasil a taça Jules Rimet. O último jogo de Pelé pela seleção foi no Estádio do Maracanã em 18 de julho de 1971, no partida entre Brasil e Iguslávia, com o placar de dois a dois.

Pelé jogou também no New York Cosmos no período de 1975 a 1977. A última partida pelo time americano foi no Giants Stadium em 1 de outubro de 1977. Foi eleito presidente honorário do New York Cosmos. Pelé marcou 1281 gols em 1363 partidas, número que fez dele o maior artilheiro da história do futebol. Pelé aposentou-se do futebol no ano de 1977 e desde então é o embaixador mundial do futebol. Entre 1995 e 1998 Pelé foi Ministro dos Esportes no governo de Fernando Henrique Cardoso.

Pelé recebeu títulos pelo mundo, em 1981 foi eleito o "Atleta do Século" pelo jornal L'Equipe. Em 1997 recebeu o título de Sir-Cavaleiro Honorário do Império Britânico, das mãos da Rainha Elizabete II. Em 1999 foi eleito o "futebolista do século". Em 2002 a FIFA o elegeu como o jogador de futebol do século XX.
Em novembro de 2011, Pelé lança se livro "Primeiro Tempo", onde relata fatos e curiosidades de sua carreira.

Além de jogador de futebol, Pelé gravou CDs e participou de 10 filmes.

Confira a Lista de 70 fatos sobre Pelé em 70 anos de Glória.




Gols de Pelé:


Nenhum comentário:

Postar um comentário

Mais Talento